Mostrando 6 Resultado(s)
Diário

O cantor delicioso…

Amores, só para fazer um esclarecimento. Semana passada quando enviei minha descrição a um cliente, ele ficou surpreso com minhas medidas. Para quem não me conhece, saiba que sou bem pequena, perfil mignon, atualmente estou com 54 kg e meu manequim é 36. Comecei o dia da melhor forma, sendo aquecida e devorada num frente e verso delicioso. Haha! Ainda na sala, me agarrou por trás, fazendo com que seu pau duro tocasse minha bunda. Beijou meu pescoço, passou suas mãos pela minha barriga e alcançou meus seios. Já na cama, nos beijamos e aos …

Diário

O contador ansioso.

É fácil identificar que o cliente está ansioso através da sua respiração. Ele estava agitado e isso comprometeu um pouco o encontro. Precisei dar uma controlada no momento dos beijos por conta da pressão que ele colocava. As preliminares aconteceram, como é de praxe. O pau não colaborou quando colocamos o preservativo. Após algumas tentativas conseguimos fazer um pouco no vaginal. Voltamos para o oral e ele acabou finalizando na minha boca. O taradinho é um amorzinho e foi muito educado. Só estava nervoso e não adiantou eu pedir para que mantivesse a calma, rsrs. …

Diário

O dançarino safadinho.

Rolou no estilo namoradinho, nos beijamos, fiz o oral e ele demostrou gostar. Pode fazer o que quiser comigo, Jordana”. Entendi o recado, realizei o beijo grego, mamei suas bolas e seu pau. Pediu para eu colocar o dedinho, e assim foi feito. Subi e ele me comeu freneticamente por alguns minutos e explodiu. Sem delongas, se vestiu e me convidou para uma dança. Coloquei uma roupa e dançamos na sala. Me travei um pouco porque eu tive a sensação de conhecê-lo de algum lugar. E não me enganei, tivemos a oportunidade de conversar um …

Diário

O Prof. Lord!

Me trouxe uma garrafa de vinho, infelizmente não estou podendo ingerir bebida alcoólica. Homem culto, com uma energia maravilhosa e cuidadoso nas palavras. Me elogiou o tempo todo, sem dúvidas um Lord. Rolou no estilo namoradinho. Me beijou todinha, iniciou pelo dedão do pé, senti cócegas nesse momento. Não me recordo de alguma região do meu corpo que ele não tenha explorado. Sem preocupação com o tempo, deu o seu melhor ali. Aliás, tempo era o que não nos faltava, o safado reservou 1 h e meia. Retribuí suas investidas…  Cavalguei, fui apertada e puxada …