Diário

O jovem experiente…

Depois de bater 3 siriricas num dia, ainda sobrou energia e tesão para esse safado. Eu menti para ele quando falei que só bati uma, fiquei com receio de ele pensar que sou uma ninfomaníaca. Mas hoje foi um dia atípico, eu não costumo ser assim, rsrs.

Sentados no sofá, nos beijamos, sorrimos e conversamos. Até ele minhas pernas sobre as suas, meus pés tocaram seu membro, nesse momento senti que estava rijo, acho que a intenção dele já era essa. A partir desse momento os beijos ficaram mais quentes, suas mãos percorreram meus seios e em seguida besabotoou meu short.

Me deitou ali mesmo, realizou um oral perfeito percorrendo meu ventre e me fez um beijo grego. Colocou o dedinho atrás e continuou me devorando com a língua.

Não me deu chance de cair de boca no seu pau. Foi logo sentando e pedindo para eu encaixar. Encaixei, ele colocou meus seios para fora e os abocanhou.  Iniciamos ali uma transa deliciosa, dessa vez um pouco mais selvagem.
Recebi tapas na face com muita ponderação. Pediu que eu fizesse o mesmo com ele, e que batesse um pouco mais forte. Dei alguns tapas, ele levou sua mão ao meu couro cabeludo e fez uma deliciosa pressão ao fechar os dedos.
Pedi que desse tapas no meu bumbum e o apertasse, sempre que ele fazia isso tínhamos que parar a foda a fim de evitar que ele gozasse.
Chegou um momento em que ele só se controlava, pedia que eu fizesse devagar, às vezes pedia que eu  parasse. Mas eu estava no controle e com muito tesão,  só iria parar quando ele gozasse, e assim foi feito.

Nota 10!

(3) Comentários

  1. Paulo Henrique de Araújo diz:

    Que delícia de foda essa! Loucura!
    Você deve ser demais !❤️

    1. Jordana Telles diz:

      Ótimo saber que gostou. Realmente foi uma foda deliciosa.

  2. Ivo Souza diz:

    Imagino o tanto de sensações nessa foda deliciosa, ainda quero passar por isso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.