Diário

O flamenguista safado!

 

No outro encontro ele estava nervoso, e isso me deixou tensa no dia também.

Hoje foi algo mais natural. Ele tomou algumas cervejas, preferi tomar um vinho. Sentamos e falamos basicamente sobre tudo, até que num determinado momento a conversa esquentou…

Sentei-me no seu colo e nos beijamos, nesse momento me arrepiei e senti meu grelo latejar.

Deitou-se nu na cama, e aquele pau envergado para cima foi convidativo. Estava completamente depilado e cheiroso, não perdi tempo e me deliciei ali.

Me colocou de bruços e embarcou num oral delicioso, explorou toda minha região.  Fiquei molhada, e naquele momento eu só queria senti-lo dentro de mim.

Me comeu com vontade num frente e verso, e sempre pedindo para beijá-lo enquanto me fodia.

Teve um momento que ficou totalmente à disposição para que eu fizesse um beijo grego, visitei casa milímetro daquele rabo.

Descobri que gosta de toques e beijos nos mamilos

A seu pedido me deitei ao seu lado. Acariciei seus mamilos e levei uma das  mãos até suas bolas, enquanto isso ele batia uma punheta. Quando estava pronto para gozar pediu que eu descesse e assim explodiu na minha boca.

Só achei que ele muda de posição muito rápido, não dava muito tempo de curtir, mas mesmo assim foi gostoso

Adorei revê-lo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *